Sunday, February 15, 2009

Hammam e amizade


Hoje fui pela segunda vez num Hammam com a minha amiga Ade, aliás foi ela que me introduziu nessa maravilha.
Graças a ela, os meus dias são bem mais festivos e completos nos últimos anos, fora ter uma amiga diariamente por perto, que era tudo que eu queria na Europa pra ser mais feliz, uma amiga, que eu não ficasse só no telefone, e que não falasse só em crianças, problemas, mas que falasse também sobre crianças, problemas, moda, shopping, espiritualidade, amores e desamores, viagens, projetos, e divagação em geral, alguém diferente de mim, mas parecida.
Assim é a Ade na minha vida, me lembra muito minha amiga Joyce (que coincidentemente os pais nasceram na Indonésia), uma pessoa que só acrescenta, e que nunca é chata, e também tem a intimidade de me mandar calar a boca, ou falar mais baixo com toda a delicadeza do mundo.
Normalmente o jeito das pessoas me criticarem me magoam, me irritam, etc.

Ela sempre inventa alguma coisa legal pra fazer, tanto com as crianças (ela também tem dois filhos), como sozinha...digamos ela sempre me coloca na "parada". Na sexta feira fizemos um tour nos bares e discos de Leiden, até acabarmos aqui em casa, junto com a Tuti (Frutti) amiga dela que morava na Austrália, mas agora está aqui na Holanda também.

Meu Valentine's day não foi lá um dia que quero relembrar, isso que nem tava ai pra essa data.

O Hammam fica em Haia (Den Haag)onde mora a rainha Beatrix, e onde tem os ministros, e bla bla bla, e eu achei que gostava, mas só gosto de algumas coisas por lá, prefiro Leiden.
De trem alguns minutinhos daqui onde moro é fácil ir pra Den Haag.
Muitos anos atrás eu assisti um filme em São Paulo sobre um Hammam masculino, senão me engano em Istanbul com uma temática sobre homossexualismo masculino, tabu na Turquia e no mundo muçulmano.

O hammam foi introduzido na Europa pelo Império Otomano(atual Turquia e arredores), mas é tipicamente de países Islâmicos. Um lugar onde os homens vão se banhar e usar a sauna a vapor, bater papo, fazer massagem, e cuidar do corpo, e as mulheres em separado, fazer a mesma coisa, crianças também são bem-vindas, dependendo de horários.

Ir ao a um Hammam sozinho pode ser meio chato, porque são camadas de sabão, body botter (que vem num potinho e parece uma pomada) e antes de entrar na sauna você esfrega o corpo inteiro, uma certa ajuda, e companhia faz o ritual ser mais rico.
Quando se vai ao Hammam se leva, havaianas ou tipo, toalha de banho, cremes, máscaras e luvas de esfoliação, e uma vasilha de plástico para se jogar água no corpo...aliás o tempo todo fica se jogando água, e passando trecaina na pele, e tirando, uma delícia...a pele fica um veludo depois.
Há também os serviços oferecidos, massagem nas costas, no corpo todo, esfoliação.

Normalmente antes de se passar a máscara no rosto (uma delas) você seca bem...e fica num lugar que nem uma lagartixa tomando sol...sem sol, pensando na vida, batendo papo ou até fazendo amizades, uma lage redonda bem quente...está na foto do site.

Depois se começa novamente o ritual, tira a máscara...passa mais esfoliante no corpo fazendo uma massagem digamos nas costas, porisso que ir sozinha ao Hammam não é lá muito aconselhável, mas claro que também pode. Mas o lado bom é que as meninas são super fofas e ganhei várias esfregadas na costas, e algumas massagens parciais, e há muito tempo que mulher não toca o meu corpo, do jeito que minha mãe fazia.
E fora que o ambiente, por ser só de mulheres e a maioria estrangeiras, é um ambiente bem animado, a mulherada de top less, os diferentes tipos de corpos, umas magras, outras gordas, baixas, altas, novas, velhas...mas não há como dizer que apesar de todas as diferenças e tipos mesmo as pessoas "feias" digamos com padrão estético convencional, são bonitas, todos os corpos ficam bonitos, sempre tem algo no corpo de uma pessoa que é bonito, se umas tem muito ou pouco peito, a perna é bonita, outra se a bunda ou o culote é feio, tem os peitos, ou a barriga, se outra tem um barrigão, o peito é bonito, o cabelo, ou rosto...enfim.
Muito legal, diferente garanto de um SPA normal, porque o Hammam é um ritual espiritual também, uma ode ao corpo, a água, fluir.

Depois de algumas horas quando tudo está tão limpo, as células mortas completamente descidas pelo ralo abaixo, e a água e mais água jorrando que nem cachoeira, se tomou o banho de doucha final...se vai pro vestiário nos locks, passar mais creme no rosto, secar o cabelo, e no restaurante há delícias pra petiscar e aquele chá maravilhoso doce que é o chá marroquinho.

Saímos de lá e fomos dar a um restaurante no chinatown um tal de Kee Lun Palace na rua Wagenstraat, e como as meninas são asiáticas, deixei a cargo delas o pedido no restaurante chinês, muito bom, regado a muito chá.

- Uma sopinha sui ka tong de entrada
- ba hua tupijaun (camarão com tofu na massa folhada)
- uns legumes com um molho bom ralo, não sei qual era o molho, mas era espinafre e vagens os legumes, sempre feito de maneira diferente que a gente faz, ou pelo menos que eu faço.
- e franguinhos minúsculos assados e depois fritos, bem picante com ervas

Depois do restaurante voltamos pra casa, mas como mulher não resiste demos uma passada antes na Bijenkorf (a loja de departamento mais completa e chique da Holanda), mas foi na Zara que todo mundo saiu com uma sacolinha, mas bem que tinha umas coisinhas inúteis de design com 50%, e uma luva de verniz vermelha que eu me encantei.

Para quem como eu, tinha passado um Valentine's day bem baixo astral, o hammam foi bem revigorante, principalmente na companhia de Ade e das amigas dela, todas as 3 nasceram na Indonésia.

Hoje vou dormir como uma rosa e sonhar com uma noite quente de verão me banhando ao luar em uma praia em Bali.

2 comments:

Beth Blue said...

Ah, Den Haag...Já tinha ouvido falar deste hamman sim mas falta a coragem de tirar a roupa!!! Foi-se o tempo eu que eu ia pelada sem o menor problema pras saunas aqui de Amsterdam ;-)

Sei que não tem nada a ver e é só mulher, mas mesmo assim.

E eu sou esta sua amiga com quem você só fala no telefone, né? Só espero que não falemos somente de crianças e problemas porque certamente temos mais assunto do que isso, hehehe ;-)

Anonymous said...

Met mal maleer leuk dat je ff heb gereageerd ik zelf werk nog steets in de steigerbouw en jij?????????????..........