Tuesday, January 23, 2007

Rapidinha


Kkkkkkkkk essa era a risada mais absurda dos áureos tempos de orkut.

Como era fácil, e ainda é, mas sinto que o orkut está com os dias contados.

Agora o que vejo, são um monte de zumbis, indo lá...mas sinto no ar o desprazer e a falta de sorriso nas pessoas, o que sinto é uma ilusão. Ir até lá, contatar um amigo, não perder o amigo de vista. Não vá embora amigo, eu vou chorar, te vejo no skype, no msn, no my space, mas o orkut continua existindo, resistindo.


Mas esse weblog webblog é novo. Pra muita gente ter um blog já se tornou "carne de vaca", pra mim é novo, porque relutei muito.

Não admiro lá as letras, principalmente as minhas, com acesso pra tudo que é bandido, bigodudo, suposto crítico literário, alcoviteiro, medidor cultural, curador de arte, enzovoort (etcetera em holandês).


E tenho tantas coisas pra falar, como minha viagem a Bélgica, bem dizer Bruxelas, que me lembra couve de bruxelas, mas tenho que me calar agora.


Minha vida regrada forçada me chata e me chama, e são quase 11 da noite. Meia hora passada do esquema, sim o assunto aqui é sério e jamais vocês saberão, somente se a vida de vocês tiverem a mesma características que a minha, como é pouco improvável me voy.

É, tenho que seguir meu "life chart" a risca pela psiquiatra e psicóloga e por meu próprio sake.


Porisso, Bruxelas ficará pra outro dia, as luvas abandonadas das ciclovias ficará pra outro dia, e o quase ciclone holandês também.


Até mais ver, até mais ver....ad infinitum.

1 comment:

Anonymous said...

intiresno muito, obrigado

Tchau querida!

Não estamos alegres, é certo, mas também por que razão haveríamos de ficar tristes? O mar da história é agitado. As ameaças e as gue...